E terminou mais uma temporada de desfiles do New York Fashion Week. Nesta edição de primavera/verão 2016, muitas marcas apresentaram recortes e linhas inspirados nos anos 90. Parece que os anos 70 que inspiraram as coleções do ano passado ficaram pra trás. A pegada agora é bem leve, com peças de alcinha, com renda, tecidos menos encorpados, com alfaiataria reta e solta do corpo. As cores predominantes na maioria dos desfiles foram o branco e o preto.

Veja o resumo dos principais desfiles:

Givenchy

Muitas peças remetem aos anos 90, com aplicação de rendas, blusas e vestidos de alcinha que mais lembram camisolas. Bem insinuante! As peças em alfaiataria são soltas do corpo e muitas delas com tecidos no clássico risca de giz.

Givenchy - NYFW 2016 p.v.

Alexandrer Wang

O estilista Alexander Wang também se inspirou nos anos 90 para criar sua coleção primavera/verão. Suas peças são soltas e têm uma cara vintage que também parecem camisola e pijama. Vimos também muitas franjas e influência militar no seu desfile.

Alexander Wang - NYFW 2016 p.v.1
  Lacoste

A Lacoste apresentou um desfile super geométrico com recortes e misturas de cores que lembram as bandeiras de muitos países. Isso porque o tema do desfile foi inspirado nos jogos olímpicos que acontecerão no Rio de Janeiro em 2016. Bem apropriado! Muitos elementos esportivos e até mesmo militares podem ser percebidos nas peças da Lacoste.

Lacoste - NYFW 2016 p.v.

Diana von Furstenberg

A coleção da Diana para o próximo verão é muito solar e floral. Ainda observamos alguns elementos inspirados nos anos 70 em sua coleção. O branco é uma cor também muito presente neste desfile.

DvF - NYFW 2016 p.v.

Carmen Steffens

A marca brasileira Carmen Steffens fez bonito em Nova York. Apresentou uma coleção  com muitos brancos e pretos, vestidos com recortes bem marcantes com tiras e correntes. A nossa exuberante Adriana Lima abriu lindamente o desfile usando um vestido preto cheio de recortes. Bapho!

Carmen Steffans- NYFW 2016 p.v.

Zac Posen

O desfile do Zac Posen foi lindo! Aconteceu na Grand Central Station e eu tive a felicidade de acompanhar de perto. Tudo foi perfeito! O cenário, o local, o desfile, as peças. Tecidos super leves e primaveris marcaram esse desfile. Uma delicadeza só! O estilista levou toda a feminilidade às passarelas com vestidos em versões midi e longos.

Zac Posen - NYFW 2016 p.v.

Proenza Schouler

Cuba é o tema da coleção de Proenza Schouler. Muitos babados, poás, laços, ombros de fora e uma forte influência espanhola marcaram esse desfile. Mais feminino e quente impossível! Mais uma vez vimos muito preto e branco mas com uma pitada de vermelho.

Proenza Schouler - NYFW 2016 p.v.

DKNY

Aqui na DKNY o preto e branco predominam. Os tecidos em risca de giz aparecem bastante neste desfile em peças como blazer, saia e vestido. O blazer, por exemplo tem uma modelagem bem solta e faz a linha mais masculina. O estilista usou muitas sobreposições e alfaiataria com cortes, pregueados e dobraduras assimétricas com aplicações de botões. Os tecidos mais leves e transparentes também vêm forte nesta coleção.

DKNY - NYFW 2016 p.v.

Ralph Lauren

O clima navy é o tema do desfile de Ralph Lauren. Muito branco e azul. As listras, recortes assimétricos, babados, estampas ópticas, fendas e muito mais marcaram esta coleção!

Ralph Lauren - NYFW 2016 p.v.

Como vimos, a onda em Nova York é o branco. E como a moda vai e volta, o estilo dos anos 90 parece que vem com tudo!

Depois conto pra vocês o que rolou na temporada primavera/verão de Londres. ;)